quinta-feira, 3 de abril de 2014

LEVANTAMENTO APONTA AUMENTO NO ÍNDICE DE INFESTAÇÃO DO MOSQUITO AEDES AEGYPTI EM UBIRATÃ

http://www.controlemunicipal.com.br/inga/sistema/imagens/46/gd_020414081321_1_jpg.jpgLevantamento realizado pela Secretaria Municipal de Saúde de Ubiratã aponta que no mês de março houve um aumento no índice de infestação do mosquito transmissor da dengue e também um aumento no número de residências com larvas do aedes aegypti.

 De acordo com esse levantamento, o município de Ubiratã, no geral, está com 4,1% de infestação do mosquito, índice considerado de muito alto risco, uma vez que o recomendado pelo Ministério da Saúde é de no máximo 1% de infestação. Quando observado localidades especificas, o percentual de infestação é o seguinte: Centro, 5,88%; Centro 1, 3,87%; Jardim São Paulo, 5,75%; Vila São Joaquim, 5,10% e Vila Recife: 1,72%.
 Ainda de acordo com o levantamento realizado pela Secretaria de Saúde, os locais e depósitos que concentram o maior número de larvas do mosquito aedes aegypti são: - Lixo (recipientes plásticos, garrafas, latas), sucatas em ferros-velhos: 43,8 %; - Vasos, frascos, pratos e bebedouros de animais: 34,4 %; - Depósitos ao nível do solo (barril, tambor, tanque, cisterna): 12,5 %; - Depósitos naturais (bromélias, poça de água): 6,3 %; - Depósitos fixos (lajes, ralos): 3,1 %.

Em 2013, foi registrado em Ubiratã um óbito em decorrência da doença e 2 casos de dengue com complicação.

Fonte: Prefeitura Municipal de Ubiratã

Nenhum comentário: