sexta-feira, 10 de outubro de 2014

SUSPEITA DE EBOLA INTERDITA UPA BRASÍLIA EM CASCAVEL

Um homem está isolado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) II, no Bairro Brasília, em Cascavel, devido a suspeita do vírus ebola. De acordo com informações, trata-se de um paciente que saiu da África, há 19 dias.

Na noite desta quinta-feira (09), o Ministério da Saúde foi avisado e uma equipe está saindo de Brasília para Cascavel. Há perspectiva de transferência para o Hospital Universitário ou para hospital de referência nacional.
Uma equipe de Controle de Infecção da Secretaria de Saúde do Estado também deve chegar em um voo, daqui a pouco.
Por determinação, outros pacientes e funcionários foram trancados dentro do local. Ninguém pode entrar, inclusive, médicos e enfermeiros que trabalham no turno da noite também estão do lado de fora.
O paciente há três dias, está com febre alta e procurou atendimento hoje pela manhã.
A orientação é para evitar pânico e segundo a enfermeira que conversou com a nossa equipe, a recomendação neste momento é para os moradores evitarem locais com muita concentração de pessoas.
Uma coletiva de imprensa está marcada para amanhã de manhã.

Fonte: CGN

Nenhum comentário: