quarta-feira, 16 de setembro de 2015

BRASILEIRO PRESO POR TRÁFICO NO EGITO

Lucas saiu de Foz do Iguaçu, passou por São Paulo, pela Etiópia e seguiu para o Egito, onde foi preso (Foto: Reprodução / Internet) O brasileiro Lucas Stormoski, de 20 anos, preso no Egito suspeito de tráfico de drogas, tem um conhecido na mesma penitenciária onde aguarda julgamento. O jovem que mora em Foz do Iguaçu, no oeste do Paraná, foi flagrado pela polícia no Aeroporto Internacional do Cairo tentando entrar no país com mais de 3 kg de cocaína presos ao corpo, no dia 4 deste mês.

Além de Lucas, outros quatro brasileiros estão presos na mesma penitenciária também por suspeitas de tráfico de drogas. Um deles, conhecido do jovem iguaçuense.
O Ministério das Relações Exteriores não informou quem é este conhecido, apenas que recebeu um e-mail da mãe pedindo informações sobre “o filho e sobre o Lucas, que são conhecidos”.
Ainda de acordo com o MRE, por questões financeiras, a embaixada do Brasil no Egito não fornecerá advogado ao brasileiro, apenas garantirá assistência e repassará recursos para a manutenção de Lucas na cadeia, como para o fornecimento de água e de alimentação.
O Itamaraty também tenta conseguir um defensor público egípcio para acompanhar o processo. O vice-cônsul esteve em uma audiência com o brasileiro no dia 5. Ainda não há previsão para o julgamento.
"Em alguns países da Ásia e do Oriente Médio, a tolerância para crimes de tráfico de drogas é quase zero, com penas altíssimas, inclusive a pena de morte ou prisão perpétua. E, o Egito, se encaixa nesta figura", destacou o advogado Osli de Souza Machado, especialista em direito internacional.
"O Brasil não pode influenciar na legislação interna do Egito ou de qualquer outro país. No máximo, poderá dar assistência ao preso, como é acordado em tratados internacionais, e à família, como já vem fazendo", completou. Conforme o Minitério, o último caso de brasileiro detido no Egito foi em maio quando flagrado com mais de 3,5 kg de cocaína.

Fonte: G1 Paraná

Nenhum comentário: